Subscribe via RSS Feed

A escolha é sua!

[ 12 ] 11/10/2010 |

Em meus poucos dois anos e oito meses de poker, o que mais vi foi mimimi sobre bad beats. Inclusive de profissionais (por incrível que isto possa parecer).

O nível de mimimi é tão grande que decidi elaborar uma definição formal de bad beat: O que é bad beat?

Agora, os jogadores que choram por seus bad beats tem razão em si de chorar? Acredito que 99% das vezes eles tem razão de chorar.

Mas então, o que fazer?

A resposta é simples: jogar poker.

Em MTT/SnG, o remédio para o bad beat é ter um stack suficientemente grande para que, mesmo tomando bad beat, não sejamos eliminados. Se no caminho para construirmos este stack grande formos eliminados, GG. Mas não nos deixamos eliminar simplesmente.

O que não podemos fazer é nos esconder atrás das cartas e quando estamos SS, shovarmos com KJo ou A8s e pensarmos “ok, não tinha outra saída…”. E ainda, quando com 5BB shovamos com AA e o BB CL paga com QJs e bate J no flop e J no river, dizer: “como sou azarado”.

Da mesma forma no cash. Perdemos dezenas de oportunidades de roubar blinds, de 3betar light, re-steal, etc. Este dinheiro, no final da sessão, represente 2 ou 3 BI… Aí entramos num cooller pf com KK X AA e ficamos 2 BI down… Entretanto, se tivéssemos ganho o dinheiro que deveríamos ter ganho realmente (dinheiro que não dependia da sorte), teríamos ficado 1 ou 2 BI UP!

É fácil fazer o que estou dizendo? Não!!! Exige muita concentração, estudo, dedicação, e mais todas as outras habilidades necessárias no poker…

Mas temos dois caminhos:

Ou fica a mercê da variância, apenas chorando os bad beats;

Ou decide ser maior que a variância, trabalhando duro para se tornar um jogador cada dia melhor!

A escolha é sua!

Tags: , ,

Seção: Artigos

Comentários (12)

  1. Durrrr says:

    Artigo com assunto interessante, mas fraco. Consegui entender a mensagem que deseja passar mas não acredito que a maioria entenderá ou pior, que considere o que foi escrito útil. E no seu próximo "artigo", procure utilizar uma linguagem mais "light" para abranger jogadores iniciantes à avançados.

    Entretanto, parabéns pela iniciativa.

    • Petrillo says:

      Obrigado por ler meu blog Durrrr!

      Eu não entendi bem seu comentário. Sinceramente pensei que o artigo estivesse bem legal. Se algum jogador não tiver ainda a maturidade para entender o que estou dizendo, faz parte.

      Sobre a linguagem, os termos que uso são padrão no poker. Me coloco a disposição para esclarecer qualquer dúvida.

      No mais, gostaria muito que você propusesse sugestões a uma nova redação para o artigo, para que ele fique melhor ainda!

      Vlw!

    • Marcelo says:

      Não sabia que o Durrrr falava português.

      P.S.: fazer críticas com pseudônimo é bastante imaturo.

  2. JacKJoKKer says:

    Congrat's Petrillo. Artigo muito bacana pra gente focar nas decisões e esquecer os resultados! Abraço ;)

  3. André F. says:

    Show! Estas muito correto o pensamento.

    Vamos ser maiores que a variância e grindar.

  4. anselmo mendes says:

    parabéns amigo…

    mas as vezes os mimmimis são tantos que achamos que é só com a gente… hehehe

    abraço…

    tã sumido heim.. aparece mais lá como tá o seu novo momento do poker patrocinado?

    abraço

  5. Petrillo says:

    Vlw pelos comentários galera!

    Anselmo, eu estava jogando no BetnGo com o patrocínio. Com a mudança do política de bônus deles, acabei dando um tempo na cavalagem. Aí o Everest começou a me dar muitos bônus e estou jogando mais lá. Mas o bônus que atualmente estou liberando será o último.

    Acredito que reiniciarei a cavalagem em breve.

  6. Flávio says:

    Muito bom comentário, caro Fabiano. Sempre objetivando a verdadeira reflexão para um melhor jogo.

    Não ligue para comentários de pessoas de mal com a vida.

    Abraço!

  7. AFSALAGOAS says:

    Não compreendo. O Durr diz que é fraco e depois diz que seja mais light para abranger jogadores iniciantes, da pra entender isso.

    Muito bom Petrillo, olha que venho falando isso a cada dia, pois o que tem de jogador chorando por coisas "pequenas", vixe…

    Durr – O artigo teve algo comum em você? KKKKK…

  8. joao paulo says:

    Perfeito, é o que venho aprendendo, lia em sites, orkut, ouvia sobre bad beat…sorria e pensava no assunto, posso dizer que usar da fraqueza e descontrole destes jogadores vem me oferecendo oportunidades.

    Não sou nada no poker, apenas começando,mas leio e studo muito. Só isso;

  9. Wagner Oliveira says:

    Nice Post.

    Breve e direto.

    Realmente a escolha é de cada um.

    Quem se atrever desafiar a variancia e suas inconstâncias e não estiver preparado para o revés, esquece poker e vá jogar ping-pong, bola-de-gude ou soltar papagaio…

  10. Odilon ( bobkirst ) says:

    Nice post Petrillo !!!

    Mimimi me estressa também cara … Quando agente aplica um bad beat raramente postamos em foruns etc… Acontece e quem não tem maturidade pra aceitar pare de jogar poker !

    E seu conceito é perfeito ! Se tomamos uma bad em um MTT devemos estar com stacks preparados pra isso … se estamos short a culpa é toda nossa …

Deixe seu comentário




Se você quiser um avatar, faça login para editar seu perfil.